SOBRE NÓS

Já pensou em ter uma linha de crédito sem toda a burocracia dos bancos comuns?

Agora você pode! Seu sonho está mais próximo de se concretizar.

Para quem é?

Trabalhadores formais e informais da indústria da construção civil e para pessoas que necessitam de reformas na sua casa.

Nossa economia que vinha em sucessivas altas, caiu vertiginosamente por conta da pandemia da Covid-19, elevando o nível de incerteza em relação ao desempenho da economia, atingindo principalmente o trabalhador de baixa renda de todas as partes do Brasil.

Com esse quadro econômico, percebemos que, indiretamente, o comercio da área da construção civil foi severamente prejudicado, devido à escassez de dinheiro no mercado.

Preocupados em reaquecer esse comércio e ajudar a esses trabalhadores que precisam, neste momento, abrimos uma linha de crédito voltada a ajudar a alavancar seus projetos.

Com a missão de criarmos uma alternativa de crédito aos pequenos negócios, formais e informais, de forma simplificada e eficiente, buscando ampliar e melhorar os pequenos negócios de modo que irão contribuir com o desenvolvimento nacional através da indústria da construção civil.

Assim, pretendemos preencher uma lacuna existente nesse universo, para os trabalhadores formais e informais, liberando crédito para impulsionar o empreendedorismo dentro desse setor.

Na nossa opinião, a busca por empréstimo faz parte da vida de muitos empreendedores, formais e informais, em diferentes momentos.

O microcrédito, destinado a pessoas de menor porte, é o alicerce do BANK 2CC. 

Esse crédito é específico para pessoa física que tem necessidade para prestar os seus serviços.

As vantagens do BANK 2CC estão nas taxas de juros reduzidas e a facilidade de aprovação automática. 

Mais do que uma opção de empréstimo, o microcrédito é considerado pelo BANK 2CC como uma política de desenvolvimento social.

Isso porque esta modalidade também surgiu com o intuito de democratizar o acesso ao crédito para trabalhadores formais e informais de baixa renda.

VISÃO

De acordo com pesquisas, 36% dos que trabalham na informalidade não sabem o significado de trabalho informal, outros 14,1% o confundem com trabalho por conta própria e 5% acreditam se tratar de trabalho autônomo.

O BANK 2CC, percebendo que a indústria da construção civil, ao alocar um número próximo a 3 milhões de trabalhadores e gerar, anualmente, mais de 250 mil postos de trabalho por ano, o setor mostra a sua importância para a manutenção do crescimento da economia brasileira, visto nos últimos anos.

Fato é que as 450 mil lojas de material de construção do Brasil são, em sua maioria (70%), pequenos negócios e especializados e ainda o número de trabalhadores por conta própria alcançou 21.406 milhões, sendo que 75,7% (16,2 milhões) sem CNPJ.

O BANK 2CC lança o olhar, pela primeira vez na história, aos trabalhadores da indústria da construção civil formais e informais e para as pessoas que desejam fazer reformas em seus imóveis, criando uma linha de crédito direcionada para os brasileiros deste segmento, para a realização de seus sonhos. 

Nossas ações ajudarão a tornar o Brasil mais conectado e mais justo para com esses trabalhadores que têm a necessidade de crédito e encontram dificuldades em conseguir junto as instituições bancárias tradicionais.

Estamos colocando a necessidade dos trabalhadores formais e  informais da área da indústria da construção civil no centro de nossos negócios e criando um ótimo lugar de respeito para todos.

Acreditamos ser essa a nossa maior conquista.

BANK 2CC, o banco que coloca você em primeiro lugar

MISSÃO

Mesmo sentindo os efeitos da crise e da pandemia, como diversos outros setores, a construção civil apresentou uma retração menos intensa, apontando os esforços da área para manter as atividades.

Com um grande potencial de se tornar uma das principais responsáveis pela retomada econômica do Brasil neste novo governo, a construção civil é considerada um serviço essencial para a sociedade, além de estar diretamente ligada ao desenvolvimento e à geração de empregos.

A construção civil é um dos setores mais importantes da economia de um país em desenvolvimento como o Brasil. Isso porque ela é responsável tanto por impactar o Produto Interno Bruto (PIB) do país quanto por gerar milhares de empregos.

Nós do BANK 2CC temos a intenção de aquecer o mercado da área da indústria da construção civil abrindo uma linha de crédito aos trabalhadores formais e informais dentro desse segmento, incluindo as pessoas que desejam reformar seus imóveis.

Nesse mercado, na nossa opinião, existem três agentes que merecem destaque: as lojas e depósitos de material de construção, os trabalhadores e as pessoas que tem necessidade de fazer reformas em seus imóveis. Enquanto as lojas e depósitos viabilizam os materiais, os trabalhadores entram com a execução de serviços.

Aquecemos as vendas para os estabelecimentos e damos condições aos trabalhadores de efetuarem suas obras.

Promover a valorização do ser humano, ajudando pessoas a realizar seus sonhos é o que realmente importa, sendo essa a nossa verdadeira intenção

PROPÓSITO

O peso simbólico da pobreza em nosso país vai muito além da renda e fere de morte a própria autoestima e capacidade de ação dos indivíduos.

Ao focar nesse segmento, o BANK 2CC incluiu no procedimento do microcrédito instrumentos de psicologia indispensáveis, quando se pensa em busca de motivação e incremento da condição de agente.

Merece destaque, nesse particular, a obrigatoriedade de constituição de uma linha de crédito, o que irá resultar     em uma maior sensação de segurança, a partir do estímulo e do apoio, tornando mais regular o comportamento de todos, aumentando a confiabilidade do financiado e do próprio empreendimento.

Esse procedimento é muito interessante, por enfatizar a questão da responsabilidade, a qual está diretamente vinculada à valorização da autoestima do trabalhador.

Ao possibilitarmos a cada trabalhador da indústria da construção civil a decisão sobre a conceção do crédito, abre as portas para uma participação ativa do mesmo como protagonista da sua própria história, que atua como suporte da empreitada.

Tal reflexão mostra-se essencial na sociedade brasileira, onde o desemprego e a pobreza são fundamentais na construção da própria subjetividade e imagem que o indivíduo faz de si mesmo (questão ligada às políticas de reconhecimento), com todas as consequências nefastas em relação à participação social e capacidade de mudanças.

Dessa forma, um dos aspectos mais interessantes da utilização do microcrédito, que poderá ser explorado no país, diz respeito ao reforço das práticas de economia solidária e da coesão / engajamento social como instrumento de integração, não apenas no sentido de geração de renda, mas como arma de mudança e forma de dar novo significado à vida das pessoas.

Essa potencialidade do microcrédito é muito importante porque a integração social e o fomento do engajamento político podem atingir em cheio o aspecto da pobreza que o trabalho aponta: o isolamento, a impotência, a incapacidade de autogestão da vida e de mudanças.

Em relação a essa metodologia, podemos ressaltar a importância da busca incessante por auto-sustentabilidade. O microcrédito não deve ser transformado em uma política assistencialista.

É importante no microcrédito, para garantia da saúde financeira do BANK 2CC, quanto para a utilização desse crédito de maneira consciente.

O objetivo da visão ampliada do BANK 2CC com relação ao crédito é minimizar os riscos dos empreendimentos, possibilitando uma maior segurança jurídica e financeira dos negócios.

 

Nosso funcionamento operacional pretende verdadeiramente alcançar os excluídos do sistema financeiro formal.

A capacidade de pagamento é fundamental, quando se fala em recuperação de autoestima e de confiança.

O BANK 2CC foi analisar as causas da pobreza com enfoque nas pessoas, abandonando a clássica visão de que tal estudo deveria focar-se no nível de desenvolvimento de        cada país em relação aos outros.

Bank 2CC procurou saber o porque que algumas camadas da população, como os trabalhadores informais da construção civil, vivem abaixo do limite da miserabilidade. O giro de perspectiva no enfoque faz toda diferença na luta de combate à pobreza.

“Incitar as pessoas a se destituírem do anestesiamento causado pela situação de pobreza”  esta é também uma relevante descoberta do BANK 2CC, no sentido de mobilizar a vontade e energia das pessoas.

Merece nota o fato de que o BANK 2CC se utiliza da noção de eficiência e da lógica de mercado, a qual permeia a relação social e econômica no capitalismo.

 Esse instrumental pode ser útil nas tentativas de balanceamento entre equidade e eficiência, problema presente na economia contemporânea.

O BANK 2CC tem por meta  3 pilares:

Na primeira, atenderemos o microcrédito como serviços financeiros de pequena escala, isto é, que envolvam valores baixos.

Já a segunda não toma por base o valor emprestado, mas sim a concessão de crédito a trabalhadores formais e informais da construção civil .

Na terceira perspectiva, temos o microcrédito como parte do setor das microfinanças no fornecimento de crédito a clientes não atendidos pelo setor bancário tradicional, abarcando apenas o setor de empréstimos.

Entendemos por microcrédito não só a concessão de empréstimos de valor reduzido a todas as  pessoas que estão alijadas do setor financeiro formal, por não terem como oferecer as tradicionais garantias reais

O objetivo da adoção desse conceito mais abrangente é minimizar os riscos envolvidos através do estímulo à poupança e aos seguros, de modo a ampliar a capacidade jurídica de pagamento, mesmo diante de adversidades naturais e sociais, reforçando a segurança jurídica no sentido da potencialização do ser humano e minorando o problema da autoexclusão, na qual o próprio potencial tomador de crédito, em vista de sua baixa autoestima social, deixa de se candidatar ao mútuo por opção própria.

contato@bank2cc.digital